MÚSICAS

POR CAUSA DE VOCÊ


============

EU NÃO SOU LÚCIFER


LETRA

Eu não vou na igreja
Não acredito no inferno e tão pouco no céu
Mas eu não sou ateu
Eu até creio em papai noel
E na rapunzel

Eu não tenho culpa
Por que inventaram a culpa
Eu não carrego o pecado
Porque Adão comeu uma fruta e andava pelado
Mas nesse mundo
Alguém tem que pagar o pato
Como Giordano e Joana D´Arc que viraram churrasco

E como um cão sem dono
Eu corro atrás de você
Prá latir no seu ouvido
E depois de morder

Eu sou o cão
Mas eu não sou lúcifer

Ela gostava das coisas completas e modernas
Mas eu sou incompleto e vivo dos anos 60
E como um cão sem dono, eu corro atrás de você 
Prá latir no seu ouvido
E depois de lamber

Eu sou o cão
Mas eu não sou lúcifer
Eu não sou lúcifer
Eu não sou lúcifer


(Nota historiográfica: esta canção é algo "Louco" mas pensante, quer dizer, ela fala de três coisas importantes: I) que não somos totalmente ateus, mas também não acreditamos neste Deus mitológico e cruel que diz que somos maus e que devemos sofrer, que tudo é vale de lágrimas e ranger de dentes etc.  Há como diz Nietzsche: "Auroras que ainda não brilharam". II) Que a fogueira não foi feita só para assustar. III) E que apesar destas reflexões, eu não sou Lúcifer... por que? simples, porque sou humano demasiado humano... E Lúcifer é apenas uma invenção da Cultura Humana Intrafísica e Extrafísica)

=========

NÃO SE AFETE, NÃO SE SUICIDE



Todos sabemos que o mundo humano, devido à sua peculiaridade é uma grande bosta. Mas não podemos nos afetar e nos matar po isso, por que, a vida é muito maior do que este minuto da existência que é uma vida física. 


LETRA
Respire e sorria
O mundo é uma lama
Não se afete, não se suicide

Branca de Neve e os sete anões 
A casa branca e os seus glutões
Todo o caos do mundo
Todos os políticos corruptos
Vão se foder...

Respire e sorria
O mundo é uma lama
Não se afete, não se suicide

Papai Noel e outras ilusões
Coelho da Páscoa e os sabichões
Todo o falso moralismo
todos os hipócritas e bandidos
Vão se foder...


===========================

AMOR PLATÔNICO

 

LETRA

A lápis ou à caneta
Te escrevo coisas como se fosse um poema
Tão longe, mas tão perto
Na multidão, às vezes é um deserto

Nem toda a minha poesia bastaria
Nem toda minha utopia
E nem todas a anarquia
E nem todo o meu jeito de ser

Bastaria
Prá dizer

Por um momento ou para sempre
Espero o ônibus pensando em você
Com alguns amigos escrevo sonhos
Loucos, estranhos...Olhando para a estrada

Nem toda essa musica bastaria
Nem toda essa minha vida
E nem todas as bebidas
Nem todo o meu jeito de ser

Bastaria
Prá dizer


Nota historiográfica: Essa canção eu escrevi sem ser necessariamente para alguém. Na verdade, seu significado é mais profundo. Ou seja, mesmo estando longe está sempre perto. Amor Platônico, ao contrário do que os equivocados dizem, trata de um amor, que existe antes de tudo, no Mundo Das Idéias, como asseverava o filósofo Platão. É perfeito e indestrutível, não se trata de um amor impossível, uma vez que, segundo o próprio Platão, nós todos voltamos para o convívio dos Deuses (Espíritos/Consciências Extrafísicas), para o mundo Ideal (Mundo Superior Espiritual/Extrafísico), onde o amor verdadeiro nos espera.


 ==================

HIPOCORRUPÇÃO


LETRA

Acende a luz
Mas ainda está escuro
Ouve os gritos do povo
Mas se faz de surdo
Sua ignorância o trancafiou em uma caverna
Mórbida e obscura que fica dentro da cabeça

Corrupção, Hipocrisia
Velha nova novela de todo o dia

Olhos abertos
Visão distorcida
Fica em cima do muro, esperando a propina...
Feito ratos enclausurados
Bando de filho da puta, onerando o erário
Feito ratos enclausurados
Pregando um céu
Mas fazendo o diabo

Corrupção, Hipocrisia
Velha nova novela de todo o dia

E a esmola que chamam de salário
faz do povo brasileiro um novo tipo de escravo... 

=========================================

Comentários